sexta-feira, 21 de julho de 2017




                                                 ASAS À IMAGINAÇÃO







Uma pista com, aproximadamente, 1.400 metros mar adentro.

Se, nos finais de semana, se proibisse o trânsito de veículos no molhe norte, as pessoas que gostam de caminhar ganhariam uma pista inigualável. Um local de excepcional beleza onde, a natureza exuberante oferece, sempre, um espetáculo ímpar.
Além dos botos, dos pescadores, das embarcações,  e dos surfistas,  os pássaros os convidam a dar asas à imaginação.
                                     =======
No inverno, o caminhante pode ser agraciado com a presença de visitantes ilustres, como baleia, leão-marinho e pinguim.
                          =======
Se você gosta de animais, leve um pouquinho de ração para alimentar os gatinhos, que vivem nas grutas do molhe. Talvez, até, adote um deles.

                                                                                                                                   Foto blog Renato Souza



                                     ==============


 ___ E, por falar em rango....

Deus ajuda quem cedo madruga. Ela chegou antes dos botos.
                                  =========
DECEPÇÃO!




___ Só tinha siri vivo.  Cardápio indigesto, mesmo para uma garça faminta.

                                 ============



Hora de dar uma paradinha ao lado do farolete. Respirar fundo e olhar em volta.
     O amor é lindo.

E, ainda dizem, que dois bicudos não se beijam...
                           ===============  


      Na foto, a criança acredita que pode alcançar a gaivota.
Na realidade,  ela é  a Esperança de um futuro melhor, tarefa que cabe aos adultos de hoje, realizar.

    
                                  ===============

   Ao lado do molhe, dois flagrantes comuns, na praia do Mar-Grosso.
___ Hora de encarar?




No caminho de volta, tudo será diferente, as ondas, o vento...
                                       =====


     Num dos espigões o homem conversa com a ave. Confiança mútua.

===============




                      

O Trinta Réis, outra ave que habita a região dos molhes, além de exímio mergulhador é um pássaro que intriga os magos da economia.
Ele está imune às variações cambiais  e às altas e baixas da Bolsa de Valores.
Nem os índices de inflação alteram seu poder de compra. Ele continua valendo TRINTA RÉIS.

                                ============

                               



E, o pôr do sol anuncia que é hora de retornar ao ninho.


                                       

___ Que tal?
­­­ ­­­___ Não vale a pena caminhar pelo molhe?



AMBIENTALISTAS PREOCUPADOS.



 Alguns eventos turísticos estariam  modificando o comportamento de algumas aves, que habitam a orla da Praia do Mar-Grosso.

       Por exemplo, as caroneiras, do Moto-Laguna estão deixando as Corujas Buraqueiras, de cabeça virada.
Já trocaram a noite pelo dia.

                                            ====

E, os maçaricos estão mais acesos que nunca. Não querem nem ouvir falar de migração...




Dizem, que o João de Barro  cedeu sua casa para o pica-pau, e alugou um puxadinho na toca da coruja. Quer ficar perto do agito...
                            ===============





O INCORRUPTÍVEL

O Gavião Quiriquiri continua alimentando-se de pequenos roedores. Ratos políticos, aqueles que abandonam o barco na iminência do naufrágio, fazem parte de seu menu diário.






=========================================


                                   BIRUTA







DEU PIXIXI NO PIXOXÓ – Traduzindo:  o pau comeu na casa de Noca.
Como acontece no Congresso Nacional, nossos vereadores partiram para os xingamentos pessoais.
                                      ==.==
O vereador  pastor já iniciou a sessão da última segunda-feira, com uma mensagem apocalíptica:
“ Raça de víboras, como podeis falar coisas boas, sendo maus”.
Logo a seguir desabou o dilúvio.
                                       =====
Com aprovação unânime dos seus pares, uma semana antes, o presidente da Casa modificou o Regimento Interno.
Com a mudança na lei seria possível fazer, já, uma eleição para eleger o presidente para o próximo biênio.
Moleza. O atual presidente tinha apoio da maioria, seria reeleito.
                                    ======
Acontece que, base de apoio no legislativo é como biruta de aeroporto, muda de lado, a qualquer hora, dependendo do vento.
E, deu lestada na segunda-feira, dia da eleição.
Birutice total. Um grupo mudou de lado, e entrou com Mandado de Segurança, pedindo suspensão da eleição. Conseguiram.
Presidente retirou o pleito, de pauta.
___ Aí começou o  quiproquó?
                             =====
___ Pelo que entendi, o Mandado de Segurança fora retirado, e a Frente de oposição ao presidente, agora em maioria, queria a realização da  eleição e concorreria com candidato próprio.
                                  ===
A sessão terminou em nome de Deus, mas parecia coisa do diabo.
                                     ====
Previsão do tempo. Clima vai continuar quente na Câmara de Laguna.
Ventos do quadrante norte, de fortes a moderados já começam a mudar a posição da Biruta...
==========================================

A CORRUPÇÃO E A SACANAGEM DESMORALIZARAM O CONGRESSO NACIONAL.



O CUPIM E O VÍRUS DO DESCASO ESTÃO  CORROENDO O CONGRESSO LAGUNENSE.




METAMORFOSE



Assim, como a borboleta, que leva uns 8 meses para se transformar, de lagarta em borboleta, nosso prefeito começa a sair do casulo.
Na mesma semana  reuniu-se com a comunidade de Farol de Sta. Marta, e levou quase todo o secretariado para uma visita ao Mirante da Glória.
                                     ======

Em Florianópolis, Laguna não é diferente, os mirantes ficaram à mercê da bandidagem.
  O Anjo da Guarda, que protegia a  imagem de Nossa Senhora da Glória, pediu aumento de salário periculosidade. 

                                   ====
Parece, que o aniversário do prefeito Mauro Candemil é dia 15 de agosto.
Dia de Nossa Senhora da Glória.
Uma festa para o prefeito naquele local poderia ser o pontapé inicial da reocupação do Mirante da Glória.
                              =============
BAFO DE URSO
   Nazil Bento Junior informa: está criado o Bloco Carnavalesco Bafo de Urso, com a responsabilidade de reviver o carnaval do Centro Histórico.
Desfilará no sábado de carnaval. Todo mundo fantasiado. Banda tocando, somente, antigas marchinhas. A concentração será nos fundos do Clube Blondin (antiga quadra de futebol de salão).
                                  =====
Convém lembrar, que o Nazil já foi destaque na Escola de Samba “ Bem Amados,” e musa no jogo Maiôs versus Biquinis, na Praia do Mar-Grosso.
                                ==========



    LAGUNA – NOSSA TERRA, NOSSA GENTE.    

                                                                                                                                  O JÓQUEI


                        



Nas comunidades rurais da Laguna a carreira de cavalos era o esporte que reunia muita gente. Não sabemos se essa tradição ainda sobrevive no interior da Laguna.                                                                                          Uma das canchas mais famosa era a de Barbacena. Pista curta e estreita. O páreo era disputado entre dois animais.
                               ========
Tudo era muito demorado até formar a parelha.   A seguir vinham as apostas.Muita confabulação e tempo.
Finalmente, lá estavam eles, animais e jóqueis a espera do sinal.                                                                                        À frente deles, um cidadão segurava um lenço branco.
Ao cair do lenço era dada a largada.
                                  =====
 Na carreira da Barbacena só se falava na  égua do Benoni, não por suas vitórias, mas, sim, por sua estranha performance nos diversos páreos.
Tinha arrancada, estilo cavalo paraguaio, porém nunca cuzava a linha de chegada em primeiro lugar.
Tinha mais vice campeonatos que o time do Vasco.
                                   =====
Naquele domingo Benoni resolveu promover o tira-teima para acabar com o trauma da égua.
Ela correria, sozinha. Sua oportunidade de chegar em primeiro lugar.
Muita gente, prestigiando o evento.
                                     =====
Foi dada a partida. Tudo cronometrado. Bom desempenho.
A poucos metros da linha de chegada a égua tropica, e arremessa o jóquei bem a sua frente.
___ A égua do Benoni não escapou de sua sina, o jóquei chegou em primeiro e, ela, em segundo lugar.
__ O jóquei que passou a égua pra trás, chamava-se                        Edésio Joaquim.

Até hoje ele comemora o feito.
                                                                                                 Nas rodas de aperitivo, na Pizzaria Chedão, ele só toma uisque cauboi.
==========================================






Nenhum comentário:

Postar um comentário

                                                                                                                                           ...